Produção de conteúdo para blogs

lumiar social produção de conteúdo

O marketing de conteúdo tem sido aceito amplamente por diversas empresas, de diferentes ramos e de tamanhos variados. Por que isso acontece? Um dos motivos pode ser a ineficiência dos modelos de atração de clientes, que focavam unicamente em impor o produto incessantemente, mesmo quando o cliente nem sequer sabia que precisava daquele produto.

O que o marketing de conteúdo faz é utilizar conhecimentos sobre assuntos que a empresa possui capacitação e background necessários para compartilhar com seus clientes. Tem uma empresa de construção e tem know-how para dar dicas sobre como escolher um apartamento adequado para a família? Que tal aproveitar esse conhecimento e ajudar quem procura a saber mais sobre o assunto?

Não estou querendo dizer que você vai falar sobre sua empresa e as qualidades dela. Estou falando de uma produção de conteúdo honesta, que aborde apenas o assunto a que se propõe. Como isso ajuda? Primeiramente, ajuda sua empresa a ter reconhecimento de marca, ou seja, a ser vista como autoridade no assunto e ser lembrada como referência. Segundo, atrai clientes. Com a popularização e atual facilidade de acesso através de vários meios, a jornada de compra do seu cliente mudou. É comum o usuário buscar saber sobre como resolver um problema na internet. Portanto, dar respostas aos seus potenciais clientes é essencial.

 

O que você precisa saber sobre como produzir conteúdo para seu blog:

– Produza bom conteúdo: O bom conteúdo é aquele entregue para a pessoa certa na hora em que ela precisa. Para saber o que você deve produzir, realize uma pesquisa para descobrir quem é a sua buyer persona, quais os assuntos que a interessam, quais suas dúvidas, inseguranças, metas e anseios. Mapear o conteúdo pela persona ajuda a criar o material pelo qual os possíveis clientes estão interessados. Quer saber mais sobre como criar uma persona? Produzimos um blog post sobre isso. É só clicar aqui.

 

– Funil de vendas: Forma de organizar melhor a produção de conteúdo. O funil é dividido em três estágios, conforme a potencialidade dos clientes. O Topo do Funil (ToFu – Top of the funnel) destina-se a materiais mais abrangentes e introdutórios, com uma visão mais geral sobre determinados assuntos, que buscam alcançar mais usuários. É o conteúdo de atração. Já o Meio do Funil (MoFu – Middle of the funnel) é o estágio intermediário, quando a pessoa começa a interagir de alguma forma. Portanto, o conteúdo é mais aprofundado e técnico. É também nesse estágio que se procura gerar demanda pelo serviço ou produto, dando soluções para algum problema e direcionando o cliente. Por último, o Fundo do Funil (BoFu – Bottom of the funnel) designa a parte final do processo, ou seja, a da conversão do lead em cliente que vai consumir o que é oferecido. Portanto, os materiais devem sanar dúvidas específicas e apresentar o motivo do usuário adquirir aquela solução.

 

– Tipos de conteúdo:

  1. Conteúdo pontual: é aquele material que tem vida útil limitada e costuma ter um pico de acesso apenas. Exemplos disso são notícias, matérias sobre datas comemorativas e conteúdos sazonais.
  2. Conteúdo evergreen: Não tem vida útil limitada e acumula visitas com o tempo. Exemplos disso são tutoriais, definições, textos sobre dicas, entretenimento e diversos outros.

 

– Reutilização de conteúdo: Saber reutilizar o conteúdo é importante para automatizar os processos. Tem uma série sobre “design de casas com materiais sustentáveis”? Você pode juntar esse material e criar um ebook sobre o tema. Poupa tempo de quem produz o conteúdo que já pode pensar em outros temas e formatos.

 

Dicas rápidas sobre produção de conteúdo:

– Escolha uma palavra-chave de cauda longa – menos concorrência do que palavras curtas

– Formate o texto de forma a otimizar a leitura – conteúdos longos, parágrafos extensos e com poucas imagens fazem o leitor desistir do texto. Listas e parágrafos menores já dão a visão do que se trata e do que o leitor pode encontrar ali de forma rápida e eficiente.

– Compartilhe e promova o conteúdo – Divulgue nas redes sociais! Traga mais tráfego para seu site!

– Analise a performance de cada post para poder promover alterações que achar necessárias, a depender do KPI escolhido – Pesquisou, produziu e promoveu o conteúdo? É hora de medir a eficiência do material produzido! Escolha as métricas (KPI) adequadas para seu objetivo e confira os resultados!

Gostou? Leia mais no nosso blog! Também produzimos ebooks, aprenda muito mais aquiSiga nosso Instagram e nosso Facebook!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s